“Para fãs do Windows Phone, o Santo Graal é um smartphone baseado em processador Intel, que rode Windows 10. Esse futuro quase chegou com a Dell”.

As imagens abaixo foram divulgadas por Evan Blass há dois dias.

Brad Sams, do site Thurrott.com, recorreu a suas fontes e publicou artigo esclarecedor sobre o fato dessas fotos serem, na verdade, de dispositivo Dell descontinuado baseado em arquitetura x86. Evan retweetou-o em seguida.

Brad escreveu desconhecer as especificações do aparelho.

Provavelmente fino demais para embarcar chip Intel, teria um produto complementar, espécie de laptop, que maximizaria o que conhecemos hoje como Continuum.

Já o processador, que teria sido utilizado no aparelho, viu sua produção ser cancelada, quando a Intel abandonou o segmento low-end.

“O smartphone teria sido um pesadelo térmico”, escreveu Brad. Os problemas de desenvolvimento de processadores Intel de menor potência, que funcionem suficientemente resfriados, sem ventoinha, são conhecidos.

Internamente, a Microsoft considerou seguir o mesmo caminho, segundo rumores, com o “Surface Phone”. A gigante de Redmond não chegou a lançar Windows Phone da linha Surface, mas esperava-se que o fizesse com chip Intel para catapultar vendas, dada sua diferenciação.

“Mesmo que o HP Elite x3 entregue algumas das promessas, que um smartphone Intel pode oferecer, não é a mesma coisa. Os chips ARM, embora capazes, ainda não são tão bons quanto os chips Intel, além do fato de não executarem a versão completa do Windows 10”, escreveu Brad.

“Será que esse dispositivo nunca verá a luz do dia? Penso que não, ou pelo menos não no futuro próximo, infelizmente, mas a boa notícia é que as empresas estão pensando em maneiras únicas de fazer telefones Windows e, enquanto os chips Intel podem não estar prontos hoje, espero que vejamos algo no futuro que irá se ajustar a esse design”, finalizou.

intel-phone-5

intel-phone-4

intel-phone-3

surfacep

Fonte: Thurrott.